Como utilizar as modalidades do Oyster Card

Olá queridos leitores, para deixar completo as minhas experiências, dicas e ajudas de Londres arremato com o tema final a respeito de qual o melhor cartão de transportes da cidade, Oyster Card? Travel Card? Visitor Card? ou Visitor Pass?

Na verdade os quatros fazem parte do mesmo sistema do Oyster Card, mas são modalidades diferentes. O cartão tem sempre um custo inicial de 5£, que são devolvidas no final (caso não queira guarda-lo como recordação).

oyster-card.jpg

Pay as You Go:

O que a maioria das pessoas chama de Oyster Card é na verdade o “pay as you go”. Esta modalidade permite que seja carregado um montante, 30£,50£, por aí em diante, o valor que desejar, que vai descontando as viagens que faz, tendo um clapping diário. Ou seja, ao atingir um valor X – clapping – deixa de descontar (no caso da Zona 1 e 2, o valor máximo são 6,8£ e se for da zona 1 a 3 são 8£) e não paga mais mesmo que continue a andar nos transportes. O valor semanal de clapping é 34,10£.

Nota: Se tiver cartão Contactless (Visa, Mastercard, Maestro ou American Express) a modalidade é igual, porém não precisa comprar o cartão Oyster e o clapping da zona 1 e 2 são 7£.

Travel Card:

Viagens diárias ilimitadas, com várias opções de compra: diária, semanal, mensal ou anual. O valor diário das zonas 1 e 2 é 12,70£ e o valor semanal é 34,10£.

Visitor Oyster Card:

Se ainda falta algum tempo para a sua viagem, peça o visitor card que vai diretamente para a sua casa. A  modalidade é igual ao “pay as you go”, porém ainda têm descontos em atrações turísticas, restaurantes, pubs e etc. Podem encontrar as ofertas aqui.

oyster visitor

Visitor Pass:

Passes de dois ou três dias, das zonas 1 à 6. O passe de dois dias custa 25,40£ e três dias 38,10£. A única vantagem aqui é que quem vem do Heathrow já pode utilizar este cartão e não paga mais pelo “transfer”.

Mas então qual é a melhor modalidade para si?

De todas as opções a melhor seria, sem qualquer dúvida, o Visitor Oyster Card. Para além do montante diário máximo ser 6,8£, ainda tem a vantagem de obter descontos extras.

Para o caso da sua viagem ser dentro de poucos dias, então a solução melhor é realmente o Pay as You Go. Comparando com outros valores, ainda é o montante mais baixo (tal e qual como o visitor card).

O Visitor Pass dá a sensação de ser mais barato, feitas as contas (das mesmas regiões e mesmos dias) a diferença é de 0,6£ – sendo que o pay as you go continua sendo o valor mais baixo.

Ainda, se ficar uma semana na cidade tanto faz utilizar o pay as you go de montante semanal ou o travel card para 7 dias, uma vez que os valores são iguais.

oyster metro card

Porém, tenha sempre em atenção as zonas que irá necessitar (principalmente onde está hospedado/a) e os respetivos clappings. Aqui neste link tem acesso ao pdf com as respetivas tarifas.

Se achou útil estas informações, compartilhe a publicação e ajude outros viajantes.

Boa viagem, sem dores de cabeça!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s