Visitar Castelo Branco

O distrito de Castelo Branco é o 4º maior distrito português e situa-se no centro leste, fazendo fronteira com Espanha. PÉ um local procurado maioritariamente para férias, pois são muitas as famílias com casas nesta região, Castelo Branco oferece-nos sítios fantásticos para visitar.

1. Castelo de Castelo Branco (Muralha) e Miradouro de São Gens

Também conhecido como Castelo dos Templários, foi na idade média um dos castelos portugueses estratégicos para guerras. Estima-se que a sua construção terá sido feita em 1230 visto que não existem registos do mesmo numa data anterior, e a sua decandência deve-se sobretudo às Guerras entre 1640 e 1810. Entre outros tantos motivos para a sua degradação, no séc XX foram feitas algumas reconstruções, nomeadamente a reconstrução da última torre que caiu e das janelas neo-manuelinas.

IMG_3420

Quanto ao Miradouro, há uma entrada através do próprio Castelo e é um sitio bastante sossegado, com um jardim muito bonito e repuxos de água para quem quiser refrescar-se.

2. Jardim do Paço

Construído no séc XVIII pelo bispo João de Mendonça, com um estilo barroco e bizarro, constituí um dos mais importantes espaços na Freguesia de Castelo Branco. Durante uma intervenção foi descoberto um sistema hidráulico perfeitamente intacto, construído em 1725. Procederam à sua conservação e restauro e, atualmente é utilizado nos seus 5 lagos e jogos de água. A entrada no parque custa 2€, não há nenhum dia em que esteja fechado e os horários variam das 9h às 19h (Verão) e das 09h às 17h (Inverno).

 

3. Piscina Munícipal

No calor deste Distrito/Freguesia não há nada melhor do que nos refrescarmos. A piscina/praia municipal é muito agradável, sem muitas pessoas e água na temperatura ideal. O valor varia, mas o preço máximo é de 3,80€ por adulto para o dia todo.

4. Rio Ocreza

Mais uma maravilha para se refrescar, este rio nasce na Serra da Gardunha e desagua no Rio Tejo. É possível mergulhar neste rio, em diversas entradas de terra batida poderá encontrar no final do percurso um bom local para o fazer. Nós optamos pela entrada de terra batida logo a seguir a Ponte do rio Ocreza. É sem dúvida um paraíso natural da beira interior no qual podemos tirar um momento para relaxar.

IMG_3402

Para os curiosos, sigam-me no instagram ou procurem #nápelomundo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s