The Golden Circle

Queridos viajantes, imaginem um paraíso natural a uns 30 minutos da capital? É aí que começa o Golden Circle, uma das rotas mais conhecidas da Islândia.

A rota do Golden Circle tem cerca de 300km e pode ser realizada em 4h, mais ou menos, mas quase de certeza que levarão mais tempo, pois é impossível não parar a cada km que passamos. O círculo é composto por 4 grandes pontos: Þingvellir National Park (lê-se “thingvellir”), o vale geotérmico Haukadalur, a cascata Gulfoss e Kerið, um lago azul numa cratera vulcânica.

  • Parque Nacional Þingvellir

Após sair de Reykjavik esta será a primeira paragem feita, atualmente é Patrimonio da Humanidade e foi nesta mesma área que foi fundado, em 930, o primeiro parlamento islandês e do mundo. Ao longo do parque irão encontrar vários cavalos islandeses (aqueles pequeninos, muito fofinhos), a fissura das placas téctonicas da América do Norte e da Euroásia e, ainda a primeira igraja cristã do país.

Durante o Verão é possível andar pelos vários percursos do parque, mergulhar na fissura das placas e até mesmo fazer pesca desportiva, mas no Inverno isso é quase impossível…

 

  • Haukadalur

É neste vale de nome estranho que podemos ver o gêisers, os dois maiores são Geysir (tendo sido a maior nascente eruptiva do mundo e por isso deu origem ao nome deste fenômeno, gêiser) e Strokkur. Atualmente o Geysir está em repouso, por assim dizer, mas em compensação o Strokkur tem jatos de água a cada 8/10 minutos com cerca de 20 metros de altura e a sua água varia de 80ºC a 100ºC.

No dia em que fui estavam -10ºC e por isso no final de cada erupção eu baixava-me e mergulhava as minhas mãos numa pedra com a sua água quentinha (para acalmar o quase congelamento dos meus dedos, mesmo com luva…. sim, isso pode acontecer).

 

  • Gulfoss

A maior cascata da Europa e o seu nome remete para a tradução de “Cascata do Ouro” devido à cor da água glacial no Verão (ainda não pude confirmar). Existe inclusive no local uma homenagem a Sigríður Tómasdóttir.

Foi graças ao protesto de Sigríður que atualmente temos acesso a este magnífico local. Nos anos 20, foi cogitada a ideia de construirem uma central hidroelétrica e modificar a cascata, Sigríður que amava a cascata protestou contra isso e ameaçou inclusive atirar-se nas quedas de água. O final da história nem preciso contar, certo…?

IMG_7575
a cascata está congelada….
  • Kerið

Infelizmente não tive oportunidade de ir até aí devido ao tempo. Trata-se de uma cratera com 55m de profundidade que foi formada há cerca de 6500 anos atrás. Devido a essa depressão formou-se uma pequeno lago, de tom azul vivo que acaba por contrastar com as cores no seu arredor (de tons verdes e castanhos).

Notas: 

  1. Não pensem que o “parque” tem muitas árvores como estamos habituados, não tem nada a ver como por exemplo a Serra da Estrela ou Sintra...
  2. Se forem no Inverno, por favor tenham muito cuidado com as estradas e tenham em atenção quanto tempo de dia irão apanhar.
  3. Em Gulfoss faz muito muito frio, posso dizer que foi o lugar onde mais congelei até hoje, por isso mesmo que seja “Verão” levem roupa que vos aqueça.
  4. Tirem mil fotografias, é um lugar único que nos transmite muita paz.

IMG_7609

 

5 Comments Add yours

  1. Ola gostei muito do seu poste. Uma das minhas próximas viagens será ao cabo norte

    Gostar

  2. Olívia diz:

    Quero tanto lá ir.
    Um beijinho grande*
    Vinte e Muitos

    Gostar

  3. blogdezassete diz:

    Uau fiquei completamente apaixonada! Acredita que adorei ler e fiquei tão curiosa 😀

    Beijinhos,
    DEZASSETE

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s